Homenagem a sideropolitana Albany Soratto

0

Albany Maria Soratto, 85 anos, participa ativamente de dez entidades do município e ajuda pessoas carentes da comunidade

Siderópolis

O franco crescimento que Siderópolis registra ao longo dos anos se dá por inúmeros fatores, mas, principalmente, pela contribuição e persistência do povo que reside no município. Ao longo de todas as décadas de emancipação, o impulso dos sideropolitanos é o que contribui com a trajetória, desenvolvimento e transformações da cidade.

– PUBLICIDADE –

Dona Albany Maria Soratto, 85 anos, é uma das moradoras que participa ativamente da história de Siderópolis. Apesar de ser natural de Urussanga, veio para Siderópolis há pelo menos cinco décadas e, de lá para cá, participou de inúmeras entidades e conselhos nas mais diversas áreas de atuação. “A minha mãe era professora e todos os eventos da escola que ela trabalhava, eu que organizava. Por exemplo, teatros, desfiles no pátio. Eu sempre que gostei de participar e aqui em Siderópolis encontrei um caminho muito aberto”, conta a senhora.

Com muito desejo e força de vontade em ajudar outras pessoas, dona Albany já chegou a arrecadar materiais para construção de casas para famílias carentes em Siderópolis. “É uma coisa que eu gosto, a gente tem que gostar. Eu gosto de fazer esse tipo de trabalho social, priorizo esse tipo de ajuda”, explica.

Atualmente, dona Albany frequenta dez entidades culturais e sociais do município. “Já fui membro do Lions Clube, da Associação Feminina de Assistência e Bem-Estar de Sideropólis (Afabes), fundadora e presidente da Apae por três anos”, enfatiza. Nos anos que esteve à frente da instituição, deu início a construção da nova estrutura. “Tínhamos um terreno, tenho um filho que é arquiteto, ele deu o projeto, daí me animei e meti a cara. Tive muita sorte porque depois que sai da diretoria da Apae, fui substituída por presidentes bem dinâmicos”, acrescenta.

Ser tão ativa dentro da comunidade é o que faz Albany estar sempre em busca do melhor para o próximo. Aos 85 anos, a senhora não pensa em se afastar tão cedo das atividades que ainda exerce. “Me faz muito bem, eu me realizo, fico feliz, me acho melhor. É um retorno muito bom, muito bom mesmo. As pessoas são muito agradecidas, ela me veem, me abraçam”, finaliza.

Entidades que dona Albany já participou:

Lions Clube Siderópolis

Associação Feminina de Assistência e Bem-Estar (Afabes)

Conselho de Saúde

Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae)

Associação Família Belluno

Conselho Municipal de Educação

Presidente da Festa do Colono

Vice-presidente da Associação de Pais e Professores (APP) da Escola José do Patrocínio

Membro da Pastoral Social

Rádio Nossa Senhora Aparecida

Colunista Social

Obrigado por visitar o "Portal de Notícias", Siderópolis Notícias.