Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Sideropolitano condenado a mais de 29 anos de prisão

Sideropolitano condenado a mais de 29 anos de prisão

A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia de Siderópolis, no mês de janeiro do corrente ano, investigou a morte violenta do agricultor de 55 anos, VOLNEI PAGANI, cujo corpo foi encontrado na data de 25 de dezembro de 2015, com perfurações causadas por objeto cortante, nas imediações de uma madeireira, no Bairro Distrito Industrial.

Após mais de 40 dias de investigação e colheira de provas, foi apurado e comprovado que a vítima teria sido vítima de latrocínio, ocasião na qual o suspeito para subtrair certa quantia de dinheiro da vítima, acabou desferindo golpes de faca contra essa.

No curso da investigação, identificou-se o suspeito, V.F., de 27 anos, que posteriormente foi indiciado e preso preventivamente pela mesma unidade da Polícia Civil.

V., na data de 27 de julho do corrente, foi condenado como incurso nas sanções do art. 157, §3°, do Código Penal, (latrocínio) ao cumprimento de 29 anos, 8 meses e 18 dias de reclusão, sendo-lhe negado o direito de recorrer em liberdade, pela 1° Vara Criminal da Comarca de Criciúma.

Trata-se da condenação mais severa da história do Município.

 

Hands of the prisoner

Hands of the prisoner

Sideropolitano condenado a mais de 29 anos de prisão

Sideropolitano condenado a mais de 29 anos de prisão

Frank Willy Vieira
Agente de Polícia Civil

2 Responses to Sideropolitano condenado a mais de 29 anos de prisão

  1. Loro Martins Responder

    ago 7, 2016 at 00:30

    Por que o culpado está indicado apenas pelas iniciais?

    • pedro raupp Responder

      ago 22, 2016 at 23:50

      brasil garanto que ladrao de galinha nao e,eles colocam a cara no jornal, so se tiver interesse em destruilo ou se for um pobre coitado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *