Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Siderópolis 58 anos de emancipação

Assim como muitas cidades da região, Siderópolis foi colonizada por imigrantes italianos. Mais precisamente, foi uma das primeiras colônias italianas do Brasil. Hoje, com aproximadamente 14 mil habitantes, o município que ainda carrega grande legado deixado pelos seus antecedentes, comemora os 58 anos de emancipação político-administrativa.

A história de Siderópolis começou a ser traçada por um grupo de imigrantes que chegou a partir de 18 de julho de 1891, fugindo das péssimas condições de vida a que estavam submetidos. Na busca de novas possibilidades, promoveu a colonização do município. Eram aproximadamente 100 famílias, provenientes das províncias italianas de Veneza, Belluno, Treviso, Ferrara e Bérgamo.

Inicialmente, a cidade foi chamada de Nova Belluno, por conta da semelhança geográfi ca com a província de Belluno. Por imposição do governo federal, que não desejava que áreas sob seu controle possuíssem nomes de origem ou italiana ou alemã, com quem o Brasil estava em beligerância, o distrito pertencente à Urussanga, passou a chamar-se Siderópolis. Em 19 de dezembro de 1958 Siderópolis foi desmembrada do município de Urussanga, ficando assim a cidade politicamente emancipada e jurisdicionada à comarca de Urussanga.

Os 58 anos de emancipação político-administrativa de Siderópolis foram comemorados com missa de ação de graças na Igreja Matriz Nossa Senhora Aparecida. Ainda teve distribuição de bolo para a população e apresentações artístico-culturais na Praça da Matriz, Centro da cidade.

Para o prefeito, Hélio Roberto Cesa, o Alemão, a cidade tem muito a comemorar. “Siderópolis possui belezas naturais únicas que enchem os olhos dos visitantes. Um povo batalhador, que não tem medo de buscar seus objetivos. Muitos sideropolitanos estão no exterior, mas continuam investindo na cidade e querem crescer junto com Siderópolis. Hoje nossa cidade está no rumo certo e tem projetado um futuro fantástico”, destaca

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *