Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Passeio ciclístico irá marcar o Dia Mundial sem Fumo em Siderópolis

Trajeto será do Rio Fiorita até o centro da cidade e toda população poderá participar 

Siderópolis (15/5/2017) – O Dia Mundial sem Fumo será marcado com um passeio ciclístico pelas principais ruas de Siderópolis. A iniciativa é do Governo Municipal, por meio da Secretaria de Saúde, e coordenado pelo Programa de Controle do Tabagismo/AB/NASF.  O passeio acontecerá dia 03 de junho, a partir das 9 horas, com saída do pátio da Igreja Santa Bárbara, no Bairro Rio Fiorita, até a Praça da Matriz, no centro da cidade. Toda a comunidade poderá participar, especialmente crianças e adolescentes. Não haverá inscrição prévia, o único critério será dispor de uma bicicleta.

“O evento é uma ação educativa para informar e mobilizar a população sobre os males causados pelo tabaco. O Dia Mundial sem Fumo é comemorado dia 31 de maio, mas optamos pelo dia 03 por ser um sábado, assim facilitamos o acesso da população”, destacou a coordenadora do Programa de Combate ao Tabagismo da Secretaria de Saúde de Siderópolis, Maria das Graças Venhold Losso. O tema escolhido pela Organização Mundial da saúde para 2017 é ‘Tabaco: uma ameaça ao desenvolvimento’.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a epidemia de tabagismo continua sendo a maior ameaça à saúde publica que o mundo já enfrentou. As evidências mostram que os produtos de tabaco são altamente letais, pois matam dois em cada três de seus consumidores e afetam também, a saúde de pessoas que não fumam, mas são obrigadas a inalar a fumaça de terceiros que poluem ambientes internos (fumantes passivos). A perda de produtividade e o tratamento de doenças relacionadas e que são altamente incapacitantes e fatais e geram enormes prejuízos para as nações. No entanto, esses danos não se limitam a esfera do consumidor. A cadeia de produção de tabaco, também gera danos ambientais, sanitários e sociais para quem produz tabaco, especialmente no meio agrícola, ampliando a dimensão dos danos e prejuízos tabaco-relacionados para as sociedades.

“A participação das famílias será muito importante neste dia, pois não há melhor educação que o exemplo. Unir atividade física com conscientização é um grande exemplo”, enfatizou a responsável pela Secretaria de Saúde de Siderópolis, Gláucia Cesa Périco.

 
Fonte Simone Costa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *