Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Missa em ação de graças “Jubileu de diamante”

Missa em ação de gracas "Jubileu de diamante",

Missa em ação de gracas “Jubileu de diamante”

MAIS FOTOS

No domingo 20, as 19 hs na Igreja Nossa Senhora  Aparecida, em Siderópolis, celebração “Jubileu Diamante” da “Congregação da pequena obra da divina providência, Instituto São Pio X, Seminário e Colégio.
Celebração presidida pelo Bispo Dom Jacinto Flach e concelebrada pelo pároco Pe Claudio Peters, vigário geral Pe Miro, Paulo Damin e Osvaldir Ribeiro e padres convidados como Pe Rudnei Tomazella, Pe José da Boit, Pe Paiva e Pe Ridz.

São Luiz Orione veio quatro vezes ao Brasil e se encantou por ele.

E em Siderópolis o amor sem fronteiras de São Luiz Orione chegou com o Provincial no Brasil da Congregação Orionita, o Sacerdote Giovani Valdático Pattarello que a pedido do Bispo da Diocese de Tubarão, Dom Anselmo Pietrulla vem a Santa Catarina, discutir a possibilidade do trabalho Orionita na diocese, através de uma paróquia e um Seminário. A comunidade escolhida foi Nova Belluno, Siderópolis.

No dia 29/02/1956 foi assumida a Paróquia Nossa Senhora Aparecida, pe Pellanda tomou posse como pároco em 08/03/1956. No dia 25/03/1956 foi lançada a pedra fundamental do Seminário São Pio  X.

Fazendo memória aos percussores da obra orionita em Siderópolis, trazemos a recordação de Pe Patarello e Pe. Pedro em umas de suas muitas campanhas vocacionais, e na busca de recursos para o seminário, hoje lembramos do pe Olívio Rosso, primeiro Padre orionita de nossa cidade, pe José da Boita aqui conosco, o primeiro padre fruto do nosso seminário, pe Ridz, pe Paulo, pe Miro filhos de nossa terra, pe Claudio semente do seminário, por tudo isso acolhemos o Jipe, um dos símbolos e marca dos 60 anos, e juntos os nossos seminaristas.

 

Depois de pe Pedro Pellanda a história continuou e a recordamos através da lembrança dos Padres que foram Diretores da obra orionita em nossa cidade e com eles os religiosos, seminaristas, madrinhas, padrinhos das vocações e inúmeras pessoas que uniram-se para edificar a Obra de São Luiz Orione em nossa Siderópolis.

1-Pe Domingos Sanguim

2-Pe José Rosin

3-Pe Augusto de França

4-Pe Renato Scano

5-Pe Luis angelo Frizon

6-Pe Tiveron

7-Pe Giovane Grossholz

8-Pe Luis Carlos de Oliveira e Silva

9-Pe Mario Sergio Baptistim

10-Pe José Geraldo da Silva

11-Pe Rodinei Carlos Thomazella

12-Pe Geraldo Cruz de Carvalho

13-Pe Paulo Sergio Correa

14-Pe Atalmir Gabriel Jonas da Silva

15-Pe Valdemir de Bona

16-Pe Osvaldir Ribeiro Mendes

 

O rosto feminino da Congregação  se dá em com a chegada das Pequena Irmãs da Divina Providência, em 1958 com a fundação do Instituto Nª Sra. de Lourdes, com o objetivo de cuidar das crianças.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *