Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Informativo de atividades da comissão de revitalização do patrimônio cultural de Siderópolis

Dando sequência aos trabalhos que visam à valorização de alguns patrimônios culturais de Siderópolis, bem como seu desenvolvimento sustentável, a Comissão de Revitalização do Patrimônio Cultural (organização sem fins lucrativos e formada exclusivamente por voluntários) tem alcançado importantes resultados, que mantém viva a esperança que nos move nesta luta pela valorização de nossa cultura.

Os primeiros resultados práticos, da ação desta comissão, começaram a aparecer depois de solicitadas às primeiras medidas básicas de conservação, que foram adotadas no Recreio do Trabalhador e no antigo escritório da Companhia Siderúrgica Nacional- CSN: como a limpeza destes locais e o levantamento da estrutura arquitetônica do Escritório, ambos com o apoio do governo Municipal. A limpeza destes locais além de ajudar na conservação das estruturas, também é importante para inibir a ação de vândalos e saqueadores que tem contribuído para a quase que total degradação destes locais. Já os estudos e levantamentos arquitetônicos do escritório da CSN, que foram realizados por estagiários do curso de Arquitetura e Urbanismo da UNESC, foram apresentados em reunião aberta no Salão da Igreja de Santa Barbara no Fiorita para a comunidade em geral, e irão integrar o banco de dados desta comissão.

Outra importante medida foi a elaboração do pedido de tombamento a nível estadual das duas estruturas já citadas acima, o pedido foi levado pessoalmente por uma representante desta comissão a Florianópolis e entregues ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional- IPHAN e a Federação Catarinense de Cultura – FCC. Este pedido é mais um importante passo que pode contribuir para a conquista dos anseios desta comissão e da população em geral, que sonha com a revitalização destes espaços.

Embora os pedidos de tombamento ainda irão passar por avaliação, os resultados desta ação também já são perceptíveis, visto que tamanho foi o interesse do IPHAN e da FCC pelo acervo cultural material, do município, que ambos solicitaram uma visita  a Siderópolis, para conferir de perto nossas riquezas culturais

e suas necessidades , além  de poder conhecer melhor os trabalhos de salva guarda desta comissão.

Trabalhos estes que foram reunidos em um dossiê e inscritos para concorrer ao Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, realizado pelo IPHAN, o prêmio ira contemplar oito ações de salva guarda do patrimônio cultural que tem alcançado destaque a nível nacional.

Continuamos cientes que ainda atemos um longo caminho a percorrer, mas estamos certo que com a colaboração mutua da população, juntos iremos  alcançar o proposito de ver revitalizados estes espaços, que fazem parte da história do nosso município, de nossa gente e que são partes de nossas própria identidade cultural.

Por: Macsuel De Bona

Historiador e Pesquisador

Pós graduado em Patrimônio Cultural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *